Cardeal Zen: “A Igreja oficial na China sempre foi cismática, mas agora com a benção da Santa Sé”

 

Entrevistado com exclusividade este 14 de Fevereiro de 2020 pelo LifeSiteNews, o Bispo Emérito de Hong Kong, Cardeal Joseph Zen critica o Vaticano por sua política com o governo da China. “A  Associação Patriótica Católica Chinesa, dirigida pelos comunistas, ‘sempre foi objetivamente cismática’ e permanece assim ‘mas com as bênçãos da Santa Sé’, disse o cardeal Joseph Zen, lamentando o silêncio do Papa pelos abusos de poder da China em Hong Kong e descrevendo uma situação terrível para os fiéis católicos chineses. Um dos arquitetos do acordo secreto da Igreja Católica com o governo chinês, o secretário de Estado do Vaticano, cardeal Pietro Parolin, ‘não está agindo pela fé’, disse Zen. ‘Lamento dizer que ele não é um homem de fé porque despreza os heróis da fé, como Wyszynski na Polônia, Mindszenty na Hungria, o Cardeal Beran na Chekoslowakia; ele os descreveu como causadores de problemas, em um discurso público!'”

 

Artigo original no LifeSiteNews





Posts Relacionados

Deixe um comentário

error: Content is protected !!