JBS , BNDES e o nocivo Capitalismo de Estado

JBS , BNDES e o nocivo Capitalismo de Estado

 

“[…] O adultério envolvendo os interesses do setor privado com o público assumiu proporções de escândalo.  Nos últimos anos o BNDES (2008 a 2014), foi o instrumento para sustentar grupos empresariais que se auto intitulavam “campeãs do desenvolvimento”. As empresas adjetivadas de “players”, em condições privilegiadas, receberam o montante de R$ 400 bilhões […]”

“[…] O Plano Marshall, entre 1948 e 1951, para reconstrução de 16 países da Europa, após a II Guerra Mundial, custou aos EUA US$ 13 bilhões. Atualizado, aos preços atuais, significaria US$ 100 bilhões. Com o dólar cotado a R$ 3,15, representaria R$ 315 bilhões. No Brasil gastamos mais do que o “Plano Marshall” na concessão de crédito subsidiado aos grupos econômicos com bom relacionamento com o poder governante […] ”

“[…] No mercado interno, a expansão do grupo (JBS) por todo o País, adquirindo unidades no setor de carne e aves, acabou com pequenos e médios frigoríficos em ritmo alucinante. Destaque que não ficou restrito ao setor de carnes. Expandiram agressivamente em outras áreas da economia […]”

Posts Relacionados

Deixe uma resposta