Praias de nudismo no Brasil



“Os adeptos do naturismo juram que não há sensação de maior liberdade do que andar sem roupa. Alguns dizem que retornam ao estado original da criação. Afinal, Deus criou Adão e Eva nus. E era assim que eles passeavam no Paraíso.”

Pensando nisso existem já no Brasil alguns lugares apropriados para a prática do naturismo e nudismo, claro, que não é feito em qualquer praia ou lugar, afinal não é todo mundo que gosta de andar nu por ai.

Tambaba (PB)
Tambaba é dividida em duas partes: uma para os naturistas e outra para o público em geral. A escada de acesso que divide as duas é constantemente ocupada por “fiscais” que fazem com que as regras sejam cumpridas, a principal diz que roupas são fundamentais de um lado e proibidas do outro. A melhor época para visitar a praia é entre outubro e maio: a temperatura é mais alta e a cor do mar, esplêndida.

Massarandupió (BA)
A apenas 93 quilômetros de Salvador, na famosa Costa dos Coqueiros, a praia naturista de Massarandupió não tem um acesso fácil, mas o visual promete compensar o esforço. São cerca de vinte minutos caminhando até a praia, a primeira naturista reconhecida oficialmente na Bahia.
Se não estiver interessado em tirar a roupa, nem vá. Por lá é proibido ficar vestido. Para os que querem se iniciar na prática há uma área de adaptação, onde as regras são passadas. Para as mulheres é possível ficar de topless e com a parte de baixo do biquíni. Outra regra impede a entrada de homens desacompanhados. O verão por lá é bem animado, com muitas festas e luaus. O réveillon em Massarandupió também é muito badalado.

Pedras Altas – Palhoça (SC)
Localizada entre Florianópolis e Garopaba, a praia de Pedras Altas é, na verdade, duas praias de cerca de 100 metros cada uma. Uma é reservada para casais e famílias, a outra é point de solteiros.
É conhecida como área naturista pelos vereadores e pela prefeitura de Palhoça, município onde fica localizada, Pedras Altas é frequentada por naturistas de todos os cantos, mas especialmente do Sul do Brasil. Uma das opções de lazer para os habitués do lugar são caminhadas até riachos com piscinas naturais. Quem quiser ir para mais longe pode passear de barco até as ilhas da região.

Praia do Pinho – Balneário Camboriú (SC)
A Praia do Pinho fica localizada no município de Balneário Camboriú, a 80 quilômetros de Florianópolis. Considerada a primeira praia de naturismo do Brasil, a Praia do Pinho tem 500 metros de extensão. Cerca de um ano após o começo da prática de naturismo na região, em 1984, foi inaugurada uma pousada para acolher os naturistas. Os que preferirem podem acampar, pois há infra-estrutura. Tanto na área da pousada quanto no camping a nudez é opcional, podendo ser utilizada qualquer peça de roupa.

Praia do Abricó – Rio de Janeiro (RJ)
Além de ser point famoso, a Praia de Abricó, no Recreio dos Bandeirantes, zona oeste do Rio de Janeiro, é um lugar de resistência naturista. Ocupada por adeptos da prática desde os anos 1960, a praia foi local tranquilo por quase três décadas.
Nos anos 1990, os frequentadores começaram a ser abordados pela polícia. Foi ali que nasceu a vontade e a necessidade de oficializar a prática. A briga se arrastou até 2003 com vitória dos naturistas.
Localizada dentro da reserva biológica do Parque de Grumari, a Praia de Abricó é o reduto naturista mais próximo de um grande centro urbano. Transportes públicos deixam as pessoas a aproximadamente cinco quilômetros do lugar.

 

 

( Originalmente postado no Diário Insano )



Posts Relacionados

Deixe um comentário

error: Content is protected !!